sexta-feira, 9 de setembro de 2005

chova ou faça sol

CoISAs DA Vida

Quando a lua apareceu
Ninguém sonhava mais do que eu
Já era tarde
Mas a noite é uma criança distraída

Depois que eu envelhecer
Ninguém precisa mais me dizer
Como é estranho ser humano
Nessas horas de partida

É o fim da picada
Depois da estrada começa
Uma grande avenida
No fim da avenida
Existe uma chance, uma sorte
Uma nova saída

QUAL É A MORAL?
QUAL VAI SER O FINAL?
DESSA HISTÓRIA?
EU NÃO TENHO NADA PRA DIZER
POR ISSO DIGO
EU NÃO TENHO MUITO O QUE PERDER
POR ISSO JOGO
EU NÃO TENHO HORA PRA MORRER
POR ISSO SONHO

SÃO COISAS DA VIDA
E A GENTE SE OLHA
NÃO SABE SE VAI OU SE FICA


Rita Lee


0 comentários:

Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.