quarta-feira, 7 de dezembro de 2005

Achados sarcófagos do período áureo de Roma

Caixões da época do imperador Marco Aurélio estavam
sob um terreno baldio perto da capital

Arqueólogos anunciaram ontem a descoberta de um antigo cemitério romano, com sarcófagos de mármore ainda selados que, surpreendentemente, nunca haviam sido achados por pesquisadores nem por profanadores de túmulos antigos.

— Trata-se de uma descoberta muito incomum, o achado de uma vida — afirmou o arqueólogo Andrea Iannaccone, que coordenou as escavações num terreno baldio nos arredores de Roma.

A mais importante descoberta, segundo os especialistas, é uma tumba contendo cinco sarcófagos do século II, um período áureo de Roma antiga, época em que Marco Aurélio era imperador.

Todos os caixões ainda apresentam os selos originais de chumbo intactos, indicando que não foram violados — algo muito raro em um país em que o roubo de tumbas históricas foi praticado durante séculos sem muito controle.

Embora o solo ácido da região tenha provocado a erosão de parte do mármore das tumbas, Iannaccone acredita que, quando os caixões forem abertos, revelarão não apenas ossos humanos, mas também objetos pessoais.

— Se tivermos sorte e eles tiverem sido pessoas da alta sociedade, encontraremos objetos com os corpos. Se formos azarados, haverá apenas lama — afirmou Iannaccone.

Os arqueólogos começaram a trabalhar na área há alguns meses, quando um empreiteiro pediu permissão para construir casas no terreno abandonado. Ao iniciarem as escavações, encontraram uma estrada, um tanque de água e algumas covas simples, a menos de 40 metros de profundidade. Um pouco mais abaixo, encontraram a tumba circular.

O arqueólogo acredita que mais tumbas devem ser encontradas no sítio, se a equipe tiver tempo e recursos para promover novas escavações.

— Em 25 anos de profissão, nunca me deparei com nada parecido com isso — comemorou Stefano Musco, ao lado de um pequeno sarcófago, certamente de uma criança. — Olhe em volta. É um terreno abandonado. Uma descoberta dessas devolve à área sua identidade, sua história e sua dignidade.

0 comentários:

Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.