domingo, 17 de maio de 2009

Cabeça de loira



O que essa imagem me fez lembrar... da minha fobia. Explico: tenho medo de galinhas, pintinhos, pombos e toda ave de bico pontudo. Acho cute, cute, apenas patos, marrecos e seus semelhantes de bico chato.

Todos os dias atravesso uma praça cheia de pombos pra chegar ao ponto do ônibus que me leva à casa, portanto, como faço? Calculo a distância de quem vem em frente a mim para não causar colisões, fecho os olhos e vou, abro novamente os olhos, miro em frente, fecho e vou, são no máximo, três abre-mira-calcula-fecha-abre. Ando sempre de óculos escuros, então ninguém percebe a louquinha loira que atravessa a praça. Quando não consigo concluir a sequência (praça cheia é o ó), passo mesmo por doida porque paraliso, ou seja, ficamos eu e o pombo no chão - e eu também no chão, obviamente - naquele vai-não-vai, você ou eu? Eu podia sair da praça e ir por uma calçada na rua lateral, mas eu me esforço pra vencer esse medo. De qualquer forma, agora que anoitece mais cedo, esse tipo de população penuda diminui na praça. Amém!


fonte:Euzinha e FFFFOUND!

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.