terça-feira, 25 de outubro de 2005

Exposições alternativas movimentam o Rio


Se no Centro Cultural Banco do Brasil o público pode ver uma das maiores exposições do ano na cidade, "Por ti América", em outras pequenas galerias muitas mostras exibem um interessante panorama das artes plásticas alternativas.

No Espaço Cultural Sérgio Porto, Clarisse Tarran e Cezar Migliorin abrem para o público esta terça-feira - hoje - as mostras "Eu falo" e "Artista trabalha", respectivamente. Na primeira, Clarisse levanta polêmica com um vídeo-instalação, duas esculturas e uma projeção que reflete a condição da mulher nas religiões católica, islâmica e judaica.

Uma exposição coletiva com 32 artistas, um de cada Estado do país, será aberta também esta terça-feira - hoje - no Centro de Artes Visuais da Funarte, no Rio. A mostra "Projéteis - Redemergências" reúne artistas que participaram do programa de artes plásticas do Ministério da Cultura. Na abertura, a partir das 14h, haverá uma performance do grupo Imaginário Periférico, com a participação de 168 artistas. Cada artista apresentará seu trabalho, que será comercializado a R$ 1. Os artistas também trocarão suas obras e realizarão performances individuais e coletivas.

No Centro Cultura Telemar, a mostra "Ambulantes do design" exibe trabalhos de 40 bordadeiras, escultores, grafiteiros, artesãos de bijuterias e pintores, todos moradores de bairros e cidades da periferia fluminense.

Ambulantes Do Design
Rua Dois de Dezembro 63, Flamengo - tel: 3131 3060.
Ter a dom, das 11h00 às 20h00.


Espaço Cultural Sérgio Porto - até 27 de novembro.
Rua Humaitá 163, Humaitá - tel: 2266 0896.
Ter a sex, do meio-dia às 21h. Sáb e dom, das 15h às 21h.


Projéteis - Redemergências - até 25 de janeiro.
Centro de Artes Funarte: Mezanino do Palácio Gustavo Capanema.
Rua da Imprensa 16, Centro - tel: 2279 8085.
Seg a sex, das 10h às 18h.

0 comentários:

Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.