sexta-feira, 14 de maio de 2010

Declaração





Quantas vezes lhe declarei o meu amor?
Declarei-o verbalmente inúmeras vezes
e o declaram todos os meus gestos tendentes
a você: a minha língua, a brincar com o som
do seu nome...
...e o declaram os meus olhos felizes quando o vêem chegar
feito um presente e de repente elucidar
a casa inteira que, conquanto iluminada,
permanecia opaca sem você;
e quando, tendo apagado todas as lâmpadas, juntos,
no terraço, nos consignamos aos traslados
dos círculos do relógio do céu noturno
ou aos rios de nuvens em que nos miramos
e nos perderemos, declaro-o no escuro.


Antonio Cícero
foto:Andreas Heumann

2 comentários:

Anya disse...

Wow..
wow...
wow....

:)

Have a Happy Weekend

Cris Caetano disse...

hehehe :)

Thank you, darling, for you and THE handsome too. :)

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.