quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Música pra hoje

Nervos de Aço, de Lupicínio Rodrigues na voz do gentleman Paulinho da Viola.



Você sabe o que é ter um amor, meu senhor
Ter loucura por uma mulher
E depois encontrar esse amor, meu senhor
Nos braços de um outro qualquer

Você sabe o que é ter um amor, meu senhor
E por ele quase morrer
E depois encontrá-lo em um braço
Que nenhum pedaço do meu pode ser

Há pessoas com nervos de aço
Sem sangue nas veias e sem coração
Mas não sei se passando o que passo
Talvez não lhes venha qualquer reação

Eu não sei se o que trago no peito
É ciúme, despeito, amizade ou horror
Eu só sei é que quando a vejo
Me dá um desejo de morte ou de dor

n.r.: Contava Lupiscínio, que noivo, pela primeira vez, encontrou a noiva de braço com outro, e ela disse a Lupicínio que se casaria com o primeiro homem que ela encontrasse, nem que tivesse que morrer de fome por causa desse ato, mas assim o faria. E foi daí que surgiu a idéia de Nervos de Aço na mente de Lupicínio.


fonte:Euzinha

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.