terça-feira, 28 de abril de 2009

Aqueça o seu cãozinho

Os bichinhos também sofrem com a queda de temperatura e merecem alguns cuidados para ficarem aquecidos no inverno


Quando a temperatura cai, os cachorros também sentem as conseqüências. "No inverno, os cães podem adquirir doenças como a tosse dos canis. Os sintomas são parecidos com os do nosso resfriado: febre, espirros, coriza e tosse", explica a veterinária Tatiana de Freitas Coscia, do Au Pet Store, em São Paulo. Por isso, é fundamental verificar se o seu amigão já tomou a vacina contra esse mal. Ela é dada uma vez por ano. E mais: para garantir uma temporada de frio bastante calorosa, vale seguir as dicas da especialista.

Deixe a tosa para mais tarde
Os pêlos são uma proteção natural contra o frio. Então, espere o tempo esquentar para tosar o bichinho. "Se houver muita necessidade, opte por roupinhas para deixá-lo aquecido, principalmente para passear na rua", afirma.

Nada de multidão

Evite ambiente com muitos cães, como hotéis para cachorro. Em caso de proximidade, eles podem adquirir doenças.

Passeio programado
O ideal é sair com o seu cãozinho quando estiver sol. "Mas, como no inverno também há dias em que o sol está bem quente, muita atenção com os passeios feitos a partir do meio-dia. O sol muito forte pode queimar as patinhas dos cães", adverte.

Conforto garantido
Não é preciso colocar o cão para dormir na cama com você. Mas ele merece um cantinho gostoso. Se ele dorme em piso frio, forre o lugar com tecido e cubra-o com uma manta.

Banho sob medida
Diminua a freqüência de bahttp://www.blogger.com/img/blank.gifnhos: em vez de semanal, pode ser quinzenal. E muita atenção aos cuidados pós-banho. "É preciso certificar-se de que o lugar escolhido tenha água quente e seja fechado. Outra dica é não sair logo em seguida. Isso evitará um choque térmico", resume.

Uma boquinha a mais
Se o seu cão não pára um segundo, você pode aumentar a porção de ração em 20% nesta época. "O consumo de alimento aumenta o nível energético. Mas o ideal é manter uma alimentação saudável. Frutas e legumes também são bem-vindos. Já para os cães obesos, nada de aumentar a comida", enfatiza.

n.r.: achei massa essas dicas porque vivemos em um país tropical e a maioria das pessoas têm a idéia errada de que os cães, aqui, não sentem frio. Meu Sasha já começou a procurar o sol que aparece dentro de casa pra esquentar seu corpinho peludo, além disso, passou a ser figurinha constante em cima dos sofás, coisa que não acontece em dias mais quentes. O apetite também aumentou e como está dentro do peso, tem ganho umas torradinhas de pão durante o dia (é muito fofo ouvir o barulhinho do crec-crec enquanto ele mastiga).


fonte:M de Mulher

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.