terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Borboleta







Deixo a crisálida ainda meio zonza perante a novidade. Percebo que tenho asas e o que me importa o que sou ou onde estou, vôo para conhecer o desconhecido.


fonte:imagens Google

2 comentários:

Maria disse...

Que rapidamente te envolve e fica a ser o teu mundo...

Beijinho, Cris.

Cris Caetano disse...

:) Gostei muito!

Beijinhos, Maria

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.