terça-feira, 18 de junho de 2013

A confusão instalada




E as manifestações continuam - pelo menos até a próxima semana -, pacíficas misturadas à intransigência de anarquistas e as perguntas continuam quanto à enxurrada de protestos. A representante do MPL (Movimento do Passe Livre) disse hoje que assim que a passagem dos ônibus baixar para R$3,00 (três reais), ela para com as manifestações. Muito lógico, ela tem um objetivo cuja solução é o Governo de São Paulo recuar. Isso só vale pra São Paulo, onde há uma liderança relativa à negociação do valor das passagens de ônibus, o que não acontece nos outros Estados.

Mas como fica o resto? O que percebi hoje é que as pessoas se sentirão sem rumo por não se manifestarem, como se as manifestações tivessem algum rumo claro, e ficaram decepcionadas pela representante do MPL acenar com a hipótese da paralisação. Talvez tenham gostado da sensação de poder que a manifestação deu e temem perder isso.

A confusão continua, as manifestações são por motivos diferentes: salário mínimo, corrupção, aumento dos aluguéis, aumento das passagens de ônibus, gastos na Copa de Confederação e Copa do Mundo etc, e os motivos só crescem com o passar do tempo, um cem número de reinvindicações que continua, até o momento, ainda sem metas claras, sem lideranças - mesmo apartidárias.

Não existem representantes que deixem claro, nas pautas em protesto, o que querem de concreto, é tudo muito difuso. Quem vai negociar? Nem foi criado até o momento um comitê de reivindicações para negociar com os Governos. Até agora a pergunta se mantêm. A minha pergunta além dessa é: por quanto tempo as manifestações do jeito que estão continuarão? Até se esgotar a energia de ir para as ruas? Não sei...

"Quem não estiver confuso, não está bem informado" Carlito Azevedo



2 comentários:

Maria disse...

É de facto um pouco confuso, Cris.
Não haver uma 'organização' que possa envolver toda essa gente e delinear as reivindicações de forma objectiva parece que assim nunca mais pára...
Vamos ver se não há grande confusão, que só trariam mais confrontos e dispersão de objectivo de luta.

Beijinhos (confundida com isso tudo)
:)

Cris Caetano disse...

Beijinhos, Maria :)

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.