sexta-feira, 5 de abril de 2013

Me tornando uma analfabeta política

Ninguém me representa






A partir de hoje meu mundo é lilás com bolinhas purple (porque gosto dessas cores). Vou me alienar. Cansei do Marcos Feliciano, Dilma, Lula, Renan Calheiros, Bolsonaro, Cabral e Eduardo Paes que me deprimem. 

A grande maioria das pessoas não fazem uma análise equilibrada daquilo que lêem, daquilo que se passa nesse país, não conseguem separar suas próprias convicções religiosas de assuntos que não podem ser misturados à religião. Estou cansada de ver religião tomar vulto num lugar que não lhe pertence. Quero um Estado ateu, já que laico ninguém sabe o que significa.

Fico lendo absurdos de pessoas serem a favor do estudo religioso obrigatório nas escolas públicas desde que seja sobre todas as religiões, só para dar uma idéia das barbaridades de que é possível sair do cérebro de uma pessoa. E quem não tem religião? Fica obrigado a estudar sobre algo que não acredita? Estudei numa Universidade Católica e minha amiga judia foi dispensada das aulas de teologia. Eu cresci num país que não existe mais.


Tá tudo errado, o mundo é tosco, o Brasil está tosco, cada um puxa a brasa pra sua sardinha e não consigo concordar com isso. Li na semana passada, que no subúrbio estão ensinando obrigatoriamente religião nas escolas públicas e crianças de outras religiões estão sofrendo preconceito e punições por isso e o Ministério da Educação não se manifesta. Cadê meu estado laico, como diz o art. 19 da CF/88? Preconceito deixou de ser crime?

O paternalismo impera cheio de segundas intenções: votos, e esbanja a politicagem suja, ardilosa. O desejo de não perder o poder, para quem o tem no momento, se sobrepõe às reais necessidades da população como um todo, se "ajuda" um lado que dará votos em detrimento do outro que pensa antes de votar, e a balança mais uma vez se desequilibra. No final todos perdem e poucos percebem.

Estádios de futebol valem mais que um hospital ou escola, reformam 3 vezes um estádio e os viadutos estão caindo enferrujados. Constroem empreendimentos esportivos num cuspe e que posteriormente são fechados por que não atendem às especificações técnicas de um determinado órgão internacional, e ninguém deu conta disso antes da construção (?) e o dinheiro público escorre pelo ralo e as filas nos hospitais sem médicos aumentam. Pessoas morrem às portas de uma unidade de saúde e ninguém socorre porque desmaiou do lado de lá da calçada. Que país é esse?

E a religião? Ah, a religião de novo... Enquanto não pensarem a favor do todo nada muda, são apenas farpas de um lado e do outro no melhor estilo "meu Deus é melhor que o seu", e que "falta Deus no coração" e blá, blá blá... o que falta não é Deus, falta a compreensão de que os direitos são iguais para todo mundo independente de religião. E nem adianta balançar a Constituição Federal na cara da pessoa porque parece Bíblia, cada um interpreta como quer...

Meu mundo a partir de hoje tem tom de lilás por que cansei do cinza que anda por aí, meu voto não vai somar mais pra nenhum politiqueiro desse país... a minha regra é ser honesta, ética e solidária no meu dia-a-dia e dane-se o resto... Na última eleição ouvi de uma pessoa próxima que o melhor que podia acontecer para mudar alguma coisa seria se ninguém, n-i-n-g-u-é-m votasse, me choquei, achei que era algo fora de cogitação. Hoje já não sei, só sei que não voto mais. Meu mundo hoje torna-se bonito e tem cor por que cansei da luta, larguei a armadura de D.Quixote no meio da chuva sem me importar que ela enferruje.

Que se degladiem, t-ô n-e-m a-í... Marcos Feliciano pode cantar Babalu ou ler a Bíblia inteirinha na Câmara dos Deputados: t-ô n-e-m a-í... O que eu penso e quero não vale nada. Tá, caio naquele papo de Brecht do analfabeto político - mas eu sei o preço do feijão, ou do tomate para ser mais atual, e sei o custo de vida -, mas de que está adiantando não ser analfabeto político nesse país se nada melhora, ou melhor, só piora?

Ah, o cantor Belo, o marido da Gracyanne, vai se candidatar a Deputado Federal em 2014 e vai entrar... Cansei...






n.e.: Eu sou espírita.

2 comentários:

Luis Eme disse...

eu nunca cheguei a cansar, porque não perco muito tempo por esses lados, Cris.

ou pelo menos tento. claro que há situações que não podemos nem conseguimos ignorar, tal é a pouca vergonha...

beijos

Cris Caetano disse...

Eu ando mesmo revoltada, Luis... se eu colocar no Nuvens tudo de ruim que vem acontecendo, as notícias diárias, vou deprimir meio mundo.

Beijos

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.