domingo, 30 de março de 2014

Saudades




Eu não sei explicar como ela acontece, só que as vezes bate de um jeito que me coloca do avesso, o coração aperta de um jeito, que sem esforço algum me sinto lá longe, posso sentir até os cheiros do Porto. Não sei se foi porque os primos telefonaram no fim de semana, não sei, só sei que quando ela vem me aperta inteira.


2 comentários:

Luis Eme disse...

e porque não matar saudades?

beijos Cris

Cris Caetano disse...

Por que neste momento não é possível. Se existisse um teletransporte para facilitar, dava um jeitão.

Beijos, Luis

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.