terça-feira, 16 de novembro de 2010

Conhecimento





Eu tenho uma sede tão grande de conhecimento...

Eu não sei se isso acontece com todo mundo, mas sempre que surge um assunto que eu desconheço eu preciso saber tudo sobre ele, e leio o que me indicam e corro em paralelo atrás de mais informações e surgem perguntas e as respostas não aparecem na velocidade que eu gostaria e depois me sinto exausta.

Seria tão bom que sempre me ajudassem nos meus questionamentos, mas acho que não andam na minha velocidade ou simplesmente não estão nem aí pra mim mesmo.

Nesse momento mergulhei em dois assuntos distintos que me atraem, mas me deixa um bocadinho chateada o tempo que levo até ter todo o conhecimento que gostaria de obter através deles, aliado a isso tenho uma pilha de livros para ler que não diminui porque o dia só tem 24 horas. Mas eu estou bem, nem sei como não me sinto angustiada, acho que é da bendita meditação que faço diariamente, mas estou exausta. Fisicamente exausta.

Queria tanto que o dia tivesse mais de 24 horas e também que as respostas para as minhas perguntas se concretizassem, eu ficaria bem menos cansada, e sobraria mais tempo para descobrir mais coisas, tenho certeza.


fonte:FFFOUND!

6 comentários:

Luis Eme disse...

não tenho essa sede, assim como tu.

há áreas que me interessam e procuro estar bem informado, mas sem dramas...

beijos Cris

Cris Caetano disse...

Acho que tem a ver com descobrir que quanto mais sei mais tenho a aprender, Luis.

Beijos

Fred Skill disse...

Uma teoria como outra qualquer:

... O teu dia pode ter as horas que tu quiseres; os períodos nocturnos e diurnos que tu quiseres!...
... Na pior das hipoteses, enquanto viveres, és eterna!...

E, quem sabe, até depois do inevitável, serás eterna!...

;)

Eu dou-me muito bem com este sistema. O meu dia, já dura há 44 anos terrestres... As perguntas sem resposta não me cansam... e nunca desisto de procurar essas respostas.

Cris Caetano disse...

Talvez, Fred, mas ainda não cheguei ao ponto de fazer meu dia render tanto quanto eu gostaria, talvez porque ainda não o administre bem. :)

E quanto ao viver e ser eterna vai de encontro ao que escrevi em "Comum", era exatamente isso que eu queria dizer.

E sei que morrerei, velhinha, mas muito lúcida, ainda com várias perguntas sem respostas. :)

Beijinhos

Maria disse...

O tempo já me vai faltando para tanta coisa, Cris, que eu tenho de ser selectiva no que preciso mesmo de fazer. Estabelecer prioridades. Para que me possa sentir bem comigo.
Mas tenho sede de saber mais e mais e mais, e tento fazê-lo. Às vezes lenta.mente demais...

Beijinho, Cris.

Cris Caetano disse...

E é uma seca quando o tempo falta não é? :)

Beijinhos, Maria.

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.