terça-feira, 6 de abril de 2010

Amo-te hoje um pouco melhor





Amo-te hoje um pouco melhor do que te amei ontem, porque o meu amor de ontem sentia a falta do meu amor de hoje para ser perfeito. Mas não hei-de amar-te amanhã melhor do que te amo hoje, porque o meu amor de hoje não pode sentir a falta de um amor que ainda não tenho por ti.


Nan Ferdinan
foto:Antoine de Villiers

2 comentários:

Maria disse...

É isso. E hoje eu digo que apenas lamento não ter amado ainda mais...

Beijinho, Cris.

Cris Caetano disse...

Ainda vais a tempo. :)

Eu ainda não desisti.

Beijinhos

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.