terça-feira, 3 de junho de 2008


Castelo


O meu corpo é um castelo onde entraste um dia de mansinho
ocupaste cada canto e cada janela sem eu me dar conta
hoje habitas-me neste corpo nosso, único, para sempre.
... e eu, inquieta, vou deixando que permaneças, porque te amo...


Maria
foto: Alin Ciortea

0 comentários:

Ocorreu um erro neste gadget
Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.