sexta-feira, 22 de setembro de 2006

Escultor do touro de Wall Street processa Wal-Mart


O criador da estátua de bronze do touro de Wall Street, que fica no distrito financeiro de Nova York, processou algumas empresas, incluindo a Wal-Mart Stores Inc. e a North Fork Bancorp Inc., por violação de direitos autorais.

De acordo com o processo protocolado pelo escultor nova-iorquino Arturo di Modica, no tribunal distrital dos EUA em Manhattan, a Wal-Mart está "comercializando consciente e deliberadamente" cópias, litografias e fotografias da estátua, sem a permissão do artista.

A North Fork, sediada em Melville, Nova York, colocou o "Charging Bull" (touro em ataque), como a escultura é chamada, em uma campanha publicitária sem permissão, diz o processo.

Di Modica, que patenteou o touro no Departamento de Direitos Autorais dos EUA em 1998, tenta obter uma indenização não-especificada por perda de receita de ambas as companhias, por causa do uso da imagem do touro de Wall Street. O processo também exige que ambas as empresas parem de usar a imagem da estátua.

Representantes da North Fork e da Wal-Mart, sediada em Bentonville, Arkansas, não puderam ser imediatamente contatados para comentar a notícia.


fonte:Reuters

0 comentários:

Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.