segunda-feira, 29 de maio de 2006

Musicoterapia

Estudo afirma que música pode reduzir a dor crônica


Uma pesquisa feita nos Estados Unidos confirmou que ouvir música pode ter um efeito positivo sobre pessoas que sofrem de dores crônicas. A equipe de pesquisadores testou os efeitos de música em 60 pacientes que há anos sofriam de dores crônicas.

De acordo com o estudo, divulgado pela publicação especializada Journal of Advanced Nursing, a redução dos níveis de dor daqueles que ouviam música foi 21% superior do que a dos que não ouviam. O índice dos que sentiam depressão em decorrência da dor crônica também diminuiu 25%, enquanto que o índice dos que não escutavam música com regularidade permaneceu inalterado.

Os participantes da pesquisa foram pessoas que que vinham sofrendo de condições como osteoartrite, problemas de disco e artrite reumática há mais de seis anos.

A maior parte dos pesquisados relatou que a dor atingia mais de uma parte de seus corpos e era contínua. Dentre eles, algums ouviam música através de fones de ouvido durante uma hora por dia, enquanto que o restante não compartilhava do mesmo hábito.

Entre os que ouviam música, metade era capaz de escolher suas músicas favoritas e os demais podiam escolher a partir de uma lista de cinco fitas relaxantes oferecidas pelos pesquisadores.

"Nossas conclusões mostraram que ouvir música tinha um efeito estatístico considerável nos dois grupos, reduzindo sensações de dor, depressão e incapacidade e aumentando sensações de poder. Portanto, qualquer coisa capaz de aliviar a dor é bem-vinda", afirma a dra Sandra Siedlkecki, da Cleveland Clinic Foundation, instituição por trás do estudo.

Uma pesquisa anterior publicada na mesma revista que divulgou o recente estudo já havia revelado que ouvir música suave durante 45 minutos antes de dormir pode aumentar o sono em até um terço.

n.r.: Acho que o estudo faz sentido. Ouvir música sempre dá prazer, a não ser que nos obriguem a ouvir música de elevador por muito tempo. A notícia não comenta se houve diferença entre os que ouviam suas músicas preferidas dos que ouviam a partir de uma lista. Tem de ter havido.

Acredito que haja controvérsias quanto a dormir melhor ouvindo música suave. Já desmaiei de sono, com fones de ouvido, ouvindo música naaaaada suave e altíssima. Acho que foi puro prazer musical.

Além disso, as plantas "agradecem".


fonte: BBC Brasil

0 comentários:

Blog Widget by LinkWithin
 
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.